Futebol Feminino: Inclusão Social

Na tarde da quinta-feira, 19 de Setembro/2013 o Secretário de Desporto e Lazer de Viçosa do Ceará; Amauri Carneiro esteve na comunidade do Tope - cerca de 03 km da sede municipal para realizar a entrega de material esportivo que terá como finalidade a iniciação da modalidade de futebol feminino na referida comunidade. O projeto inicialmente atenderá meninas de 10 à 18 anos com treinos diários no campo da comunidade onde serão repassados os fundamentos táticos e técnicos do futebol feminino.
"O futebol, que é a grande paixão nacional do Brasil e mobiliza milhares de torcedores aos estádios e na frente de televisores, sempre foi considerado um esporte para homens. Talvez pela sua rigidez ou pela força, a mulher que jogava era logo estigmatizada, como qualquer pessoa que fizesse algo que ia contra a sociedade ou a opinião da maioria. Não é natural mulheres jogando futebol. Quem é estigmatizada, não tem apoio. Essa falta de apoio prejudica o desenvolvimento e o crescimento. Em desenvolvimento porque não há um treinamento e uma dedicação adequada (precisa-se viver só do futebol para se ter uma melhor dedicação e isso não acontece no futebol feminino por causa da falta de patrocínio). E prejudica o crescimento, pois a maioria dos pais não quer ver suas filhas jogando futebol, por achar masculino demais, procurando assim outro esporte para a prática da menina. O futebol ocupa um lugar importante no contexto desportivo contemporâneo, visto que não se trata de um mero espetáculo, mas também de um meio de inclusão social e promoção da qualidade de vida e saúde. Promover e difundir o futebol feminino reforçando a importância da prática do esporte como veículo de ressocialização, além da integração social. Com este trabalho possibilitaremos as atletas do município a  oportunidade de treinamentos e participação em competições oficiais entre as comunidades." Afirmou; Amauri Carneiro - Secretário Municipal de Desporto e Lazer de Viçosa do Ceará.